Gargalhadas que podem ajudar a curar doenças

Para trabalhar com os seniores houve muitas horas de formação em áreas que tocam esta população, mas também formação musical e artística que a TSF acompanhou.

Doentes mudam de humor de forma notável

Bárbara Amorosa e o marido chegaram ao IPO de Coimbra depois de uma viagem com origem em Castelo Branco, que os fez sair da cama às cinco da manhã. Ela estava triste, interagiu com os palhaços e garantiu-nos que o seu dia ganhou uma nova cor.

Esta alteração de humor é uma das mais-valias da passagem da Palhaços d”Opital pelo IPO de Coimbra, refere João Almeida, o enfermeiro diretor. Uma ideia reforçada por Conceição Mineiro é a enfermeira chefe do serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço e Urologia. A passagem dos doutores palhaços é focada nos doentes, mas a enfermeira não esconde o impacto que tem nos profissionais de saúde.

Equipa de Doutores Palhaço focada nos mais idosos

Susana Gonçalves é a doutora Donizette Chiclete, Beatriz Melo dá vida à Doutora Bem-Haja, Jorge Rosado é o Doutor Risoto, Marta Rosas é a doutora Milla Nezza e, o último a chegar ao grupo, que está ainda a recrutar, foi Rafael Cid, o doutor Valente Valentão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *